Barbieri repassa definição sobre Réver para direção e espera espaços no Beira-Rio

Réver atuou no 1º turno e Flamengo terá que pagar R$ 1 milhão por descumprimento de contrato com o Inter Crédito: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação / CP memória

Réver atuou no 1º turno e Flamengo terá que pagar R$ 1 milhão por descumprimento de contrato com o Inter Crédito: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação / CP memória Correio do Povo

O Inter de Odair Hellmann não sofre gol há sete jogos, mas o técnico do Flamengo, Maurício Barbieri, acredita que é possível o rubro-negro furar o bloqueio defensivo do Colorado dentro do Beira-Rio. Apesar de elogiar bastante a defesa do adversário, o treinador espera espaços e pede atenção a sua equipe para aproveitar eventuais espaços para marcar gols. “O Inter é uma equipe muito qualificada em todos os setores. Apesar de se destacar pela defesa, possui jogadores com capacidade de desequilíbrio na frente. Então, tem que estar muito organizado, não ceder espaços e, apesar da defesa consistente e bastante sólida, não é invulnerável. Precisamos buscar os espaços que eles vão oferecer. Independente deles aparecerem mais ou menos, temos que ser capazes de explorar, de usar os espaços e ser eficiente quando as oportunidades aparecerem”, declarou o técnico rubro-negro. Mesmo atuando em casa, Barbieri acredita que o Inter optará por ficar sem a bola na maior parte do tempo, para contra-atacar o clube carioca. “O Inter tem adotado uma postura reativa e não será surpresa se eles cederem espaços ao Flamengo. Se isso acontecer, temos que ser capazes de circular a bola e encontrar os espaços para fazer o gol. Se eles pressionarem e fizerem com a gente recue, temos que ser capazes de explorar os espaços que vão surgir nas costas da defesa deles. Temos que estar preparados para todas as situações”, declarou. Caso Réver Segundo contrato de empréstimo, o Flamengo deve ao Inter uma multa de R$ 1 milhão por ter aproveitado o zagueiro Réver, no dia 6 de maio, em partida válida pelo primeiro turno do Brasileirão. Ao ser questionado se poderá escalar o defensor na quarta-feira, o técnico repassou a decisão para os superiores. “A minha decisão é técnica. Se ele tem condições, ou não, e se a decisão é contratual, passa a ser institucional”, revelou. O Inter realiza a última atividade antes de enfrentar o Flamengo nesta terça-feira, às 15h30min, no estádio Beira-Rio. O trabalho será fechado para a imprensa e torcida. O jogo entre o Colorado, segundo colocado com 43 pontos, e o terceiro, com dois a menos, está marcado para quarta-feira, às 21h45min, no estádio colorado.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: