Anúncios

Gallo indica possibilidade de venda e exalta qualidade do elenco atleticano

O Atlético-MG inicia a temporada com cinco reforços anunciados, mas ainda não concluiu a venda de nenhum jogador. Em um período onde os clubes tentam reduzir os gastos, a expectativa é de mudança nesta situação. Durante entrevista coletiva concedida na tarde desta quinta-feira, o diretor de futebol Alexandre Gallo citou a possibilidade de aumentar o caixa alvinegro com a venda de atletas.

Alexandre Gallo cita metas do Atlético-MG para 2018 |(Foto: Bruno Cantini/Atlético)

Alexandre Gallo cita metas do Atlético-MG para 2018 |(Foto: Bruno Cantini/Atlético)

Foto: LANCE!

– Todo mundo tem a necessidade de realizar a operação de um atleta que tem interesse, principalmente para fora do Brasil. Muita coisa deve acontecer. Temos artigos importantes, que têm histórico positivo. Se tiver alguma proposta que acharmos interessante, sim (poderemos vender.

Entre os jogadores que podem ser vendidos, aparecem em destaque o zagueiro Gabriel e os meias Otero e Cazares. A pretensão do clube é que apareçam mais propostas interessantes quando a janela de transferências internacionais ganhar força. A transferência é favorável ao clube, que não manteve Fred e Robinho justamente pelos altos gastos com o pagamento dos atletas.

Mesmo com cinco novos jogadores para a temporada, Alexandre Gallo evitar aniquilar a possibilidade da chegada de reforços. Apesar de a zaga e o meio-campo serem setores carentes, o dirigente evitou citar nomes dos prováveis envolvidos em negociações com o Atlético.

– Eu, efetivamente, não acredito em grupo fechado num clube com a dimensão do Atlético. Todo grande jogador de determinada posição nos interessa. Claro que temos nossos limites, entendemos o momento que a gente vive. Mas, com criatividade, nós estamos conseguindo reforçar nossa equipe.

O lateral-direito Samuel Xavier, o volante Arouca e os atacantes Róger Guedes, Erik e Ricardo Oliveira são as novidades temporárias da equipe alvinegra para o ano de 2018.

Para iniciar o ano com tranquilidade, o Atlético-MG se preparou para quitar praticamente todas as finanças do clube com salários de atletas e comissão técnica. Em outro momento da entrevista, o dirigente afirmou que os débitos mensais foram pagos.

– Estamos praticamente tudo OK, tudo zerado. O Sérgio tem sido muito efetivo, o Lásaro também ajudando bastante. Foi um trabalho muito forte em dezembro para começar bem o ano e dar tranquilidade para elenco e comissão técnica iniciarem o ano de uma forma favorável.

LANCE!
compartilhe
comente

  • comentários
Anúncios

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: