COVID-19 BRASIL: PESQUISADORES NÃO FORAM INFORMADOS SOBRE PLANO

Mais uma falha no Plano de Operacionalização da Vacinação Contra a Covid-19: os pesquisadores que trabalham assessorando o governo federal ficaram sabendo do envio do plano ao STF pela imprensa.

Procedimento temerário, retira muito da credibilidade da medida, já que a área da Saúde se baseia na ciência, não apenas na necessidade política ou social.

Quanto ao cronograma da vacinação, o Supremo Tribunal Federal – STF, por meio do Ministro Ricardo Lewandowski, determinou que o governo federal o apresente em 48 horas, já que o material apresentado não contempla essa importante informação.

Outro problema está em não dar certeza quanto a eventual incorporação genética do material da vacina aos seres humanos.

É certo que precisamos da vacina, porém, informações oficiais são fundamentais. Mesmo que dúvidas existam, é preciso que fiquem estabelecidas, para que as pessoas saibam os riscos que correm.

Não é certo que uma solução seja adotada apenas para dar solução momentânea ao problema, sem maiores esclarecimentos.

Informação é tudo em uma democracia!

Aqui você já sabe: virou notícia, Brasil Comenta!

Share and Enjoy !

Shares

Author: José Vieira

Jornalista/Articulista, bacharel em Direito(aprovado na OAB), servidor público, professor do Centro de Estudos e Ensino em Segurança Pública e Direitos Humanos - CESDH, pós graduado em Direito da Comunicação Digital, com MBA em Gestão Pública,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *