Moradores denunciam descarte irregular de lixo hospitalar em terreno de Vila Velha

Folha Vitória

Folha Vitória Folha Vitória

Moradores de Vila Velha denunciaram à TV Vitória o descarte irregular. Vários tecidos como lençóis e outras peças foram jogados em uma rua do bairro Divino Espírito Santo

Moradores de Vila Velha denunciaram o descarte irregular de lixo hospitalar. Vários tecidos como lençóis e outras peças foram jogadas em uma rua do bairro Divino Espírito Santo.

A equipe de reportagem chegou ao local no momento em que a Prefeitura de Vila Velha recolhia o material, que estava com nomes de hospitais e clínicas da Grande Vitória, entre públicos e particulares. Funcionários da empresa de coleta de lixo do município tiveram trabalho para recolher as “montanhas” de tecido.

Segundo uma moradora que preferiu não ser identificada, descartes irregulares são feitos no local em diversos horários. Apesar da movimentação, ninguém conseguiu flagrar o momento. Segundo a prefeitura, não é comum encontrar este tipo material no local. “Eu e minha mãe estávamos deitadas, e quando fomos ver, tinha um monte de lixo hospitalar”, contou.

De acordo com a subsecretária Maria Cândida Ramos Donatelli, o próximo passo será descobrir quem fez o descarte. “Normalmente os hospitais procuram um transportador para fazer esse tipo de serviço. A nossa fiscalização vai investigar. Já vimos quatro hospitais pelos nomes que constam nas roupas, e alguns documentos de hospitais. A fiscalização vai procurá-los e fazer a autuação, porque a responsabilidade é do gerador”.

Folha Vitória

Folha Vitória Folha Vitória

Sobre o material com nome dos hospitais estaduais, a Secretaria de Saúde (Sesa) disse que o descarte de enxoval é feito por uma empresa terceirizada contratada para incinerá-lo e que o último descarte para incineração foi em 2016. As outras unidades com material encontrado no terreno ainda não se posicionaram. A Prefeitura de Vila Velha disse que vai identificar todos os envolvidos.

A secretaria de Serviços Urbanos da Prefeitura de Vila Velha afirmou na terça-feira, que enviaria uma equipe da Coordenação de Fiscalização de Postura, para investigar o descarte irregular e multar os responsáveis. Outra equipe de limpeza urbana, seria enviada ao terreno para realizar a limpeza do local.

Confira a nota na íntegra da Secretarial Estadual de Saúde:

A direção do Hospital Estadual Dr. Jayme Santos Neves informa que o descarte de enxoval é feito por meio de uma empresa terceirizada contratada para incinerá-lo. O último descarte para incineração aconteceu em 2016, e até o momento, o enxoval que está sendo utilizado atende às necessidades do hospital, portanto não precisa ser descartado. Sobre o descarte do lixo hospitalar, a direção explica que, tanto o comum quanto o infectante, é recolhido e descartado pela Prefeitura Municipal.

A direção entende os riscos da exposição a esse material e informa que investigará o caso, tomando as medidas necessárias.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: