MP aciona Prefeitura de Cuiabá para readequar lombadas

Lombadas

Lombadas Gazeta Digital

O promotor de Justiça Carlos Eduardo Silva, do Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MPE), propôs ação civil pública contra a Prefeitura de Cuiabá requerendo a readequação dos redutores de velocidades (lombadas físicas) instalados na capital.    

 

Leia também – Previsão para a semana é de tempo nublado e chuva

 

Conforme o relatório técnico expedido pela equipe de perícias do MP, foi constatada uma série de irregularidades na instalação e manutenção das lombadas. Na representação, a promotoria defende que a ausência de reparo destes equipamentos coloca em risco os parâmetros essenciais para garantir a segurança nas vias públicas.   

 

“A propósito, a resolução em questão estabelece padrões de cumprimento e altura para tais dispositivos, além de formas de sinalização e de correta instalação, sendo tais parâmetros essenciais para garantir a segurança no trânsito e para evitar eventuais danos ao cidadão”, diz trecho do documento.   

 

Os autos revelam ainda que o município, através da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob), foi notificado com um prazo para correção dos problemas, entretanto, alegou não ter condições orçamentárias para promover as adequações.   

Por fim, a ação pede a imposição do prazo de 120 dias para que o município de Cuiabá realize um levantamento dos instrumentos que necessitam de reparo e apresente um cronograma para a realização das obras de sinalização e correção das irregularidades detectadas.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: