Passaporte: 13 fatos interessantes sobre o documento

Um passaporte é como uma chave para explorar o mundo

Um passaporte é como uma chave para explorar o mundo Getty Images

Para você, um passaporte pode ser sinônimo de dor de cabeça se estiver na correria para obter um ou, quem sabe, de orgulho, se for dono de um documento repleto de carimbos de viagens.

Mas o que talvez você não saiba é que este tipo de documento, hoje um tema quente nas discussões mundiais sobre globalização e migração, tem também uma fascinante história e algumas curiosidades por trás.

1. Você pode ver a aurora boreal no passaporte norueguês

Aurora boreal sobre parque nacional do lago Thingvellir

Aurora boreal sobre parque nacional do lago Thingvellir Getty Images

Se você colocar um passaporte da Noruega sob luz ultravioleta, a aurora boreal aparecerá como trilhas cintilantes no papel.

2. O primeiro ‘passaporte’ estava na Bíblia

Páginas envelhecidas empilhadas

Páginas envelhecidas empilhadas Getty Images

No livro de Neemias, no Velho Testamento, o rei Artaxerxes 1º da Pérsia deu uma carta a um funcionário concedendo-lhe passagem livre e segura em suas viagens pela Judeia.

3. Passaportes só passaram a conter fotos depois da Primeira Guerra Mundial

Foto em preto e branco de mulher em passaporte

Foto em preto e branco de mulher em passaporte Getty Images

Fotografias só passaram a ser exigidas em passaportes após o início da Primeira Guerra Mundial – depois que um espião que trabalhava para a Alemanha entrou na Grã-Bretanha com um passaporte americano falso.

4. O visual mudou? Arrume um novo passaporte

Emagreceu ou engordou? Mude o passaporte nos EUA

Emagreceu ou engordou? Mude o passaporte nos EUA Getty Images

Nos Estados Unidos, você precisa atualizar a foto do seu passaporte se ganhar ou perder muito peso, se passar por uma cirurgia facial ou se tiver adicionado ou removido tatuagens faciais ou piercings grandes.

5. Fotos de família podiam ser usadas em passaportes

Fotografia antiga do grupo de cingaleses

Fotografia antiga do grupo de cingaleses Getty Images

No início do uso de fotografias em passaportes, era possível enviar qualquer foto de que se gostasse. Até imagens de grupos de famílias eram aceitas.

6. Renove seu passaporte seis meses antes que ele expire

Folhas de passaporte com selos e datas

Folhas de passaporte com selos e datas Getty Images

Não arrisque com a data de validade do seu passaporte antes de fazer uma viagem.

Alguns países (a maioria dos europeus, por exemplo) pedem que seu passaporte esteja válido por 90 dias após a entrada.

Mas, para ter uma margem de segurança, você deveria garantir uma validade de seis meses – é o tempo exigido por lugares como a China, Indonésia, Rússia e Arábia Saudita.

7. Você não precisa de um passaporte para entrar na Austrália através do Estado de Queensland…

Várias mãos sobre esfera que representa o planeta Terra

Várias mãos sobre esfera que representa o planeta Terra Getty Images

Mas apenas se você for residente de um dos nove vilarejos costeiros de Papua Nova Guiné especificamente designados.

Eles têm um acordo especial que lhes permite entrar na Austrália sem passaporte, como parte de um tratado do período em que a Papua Nova Guiné conquistou sua independência.

8. O Vaticano não tem controle de imigração

Vista geral do Vaticano no pôr do sol

Vista geral do Vaticano no pôr do sol Getty Images

O Vaticano não faz fiscalização migratória; papas e cardeais têm direito a um passaporte diplomático.

Mas, em 2014, o Papa Francisco renovou o seu passaporte argentino para demonstrar não ter privilégios, conforme explicou sua equipe de comunicação.

9. Muitos americanos não têm passaporte

Passaporte americano

Passaporte americano BBC NEWS BRASIL

Segundo o Departamento de Estado dos EUA, existem cerca de 121.512.341 passaportes para cerca de 321.362.789 cidadãos americanos.

10. Tonga vendia passaportes

Passaporte de Tonga no bolso de uma calça jeans

Passaporte de Tonga no bolso de uma calça jeans Getty Images

Tonga costumava vender passaportes a não cidadãos por alguns milhares de dólares.

Há relatos de que essa seria uma solução perpetrada pelo falecido rei Taufa’ahau Tupou 4º para aumentar as receitas do país da Oceania.

11. Passaportes finlandeses e eslovenos funcionam como folioscópios

Um folioscópio do século 19

Um folioscópio do século 19 Getty Images

Se você estiver entediado no aeroporto e for portador de um passaporte finlandês ou esloveno, você terá uma distração prazerosa.

Mexa nas páginas do documento rapidamente e veja imagens em movimento – propriedade dos folioscópios, nome dado ao agrupamento de impressões em sequência que formam animações quando folheadas.

12. O passaporte da Nicarágua é o mais imune a fraudes

Passaportes da Nicarágua sobre mesa

Passaportes da Nicarágua sobre mesa Getty Images

O passaporte da Nicarágua tem 89 recursos de segurança – incluindo hologramas e marcas d’água.

Como resultado, é considerado o menos passível a fraudes, como falsificações, no mundo.

13. A rainha britânica não tem um passaporte

A Rainha Elizabeth II a bordo de um barco em Malta

A Rainha Elizabeth II a bordo de um barco em Malta Getty Images

A rainha Elisabeth 2ª não precisa se preocupar em pegar um passaporte – como ela é quem unicamente pode conceder permissão do tipo para o resto de seus cidadãos, ela não precisa de um.

No entanto, a rainha também precisa de documentos pessoais, que são secretos.

Os Mensageiros da rainha são os responsáveis por enviar informações secretas sobre ela ao redor do mundo – método que funciona também como uma espécie de passaporte bem peculiar.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: