Rubim tem propriedades anti-inflamatórias e pode ser consumida como chá

A espécie contém uma substância chamada flavonoide, um anti-inflamatório natural. (Foto: Terra da Gente)A espécie contém uma substância chamada flavonoide, um anti-inflamatório natural. (Foto: Terra da Gente)

A espécie contém uma substância chamada flavonoide, um anti-inflamatório natural. (Foto: Terra da Gente)

O rubim, conhecido também como macaé, erva das lavadeiras e estrela é uma planta medicinal que muitas vezes passa despercebida nos jardins. Originária da Ásia, adaptou-se bem ao solo brasileiro e cresce fácil em qualquer região.

Alguns a consideram planta daninha, pela facilidade de proliferação. Na planta nova, as folhas são arredondadas e depois se tornam estreladas e não passam de um metro e vinte de altura na fase adulta.

A espécie contém uma substância chamada flavonoide, considerada um anti-inflamatório natural. Além disso, tem ação cicatrizante e antioxidante, prevenindo o envelhecimento. O remédio, conservado em álcool, pode ser utilizado de forma tópica para picadas de insetos, inflamações e torções.

A farmacêutica Nilsa Sumie Yamashita Wadt ensina a melhor maneira de aproveitar as propriedades da planta também como chá.

Deixe uma resposta