São Paulo leva sustos, mas estreia com goleada na Copinha

O São Paulo até levou alguns sustos, mas não decepcionou em sua estreia na Copa São Paulo de Futebol Júnior 2018. Diante do desconhecido Cruzeiro-DF, o Tricolor saiu atrás depois de um golaço de Carlos Alberto, camisa 10 da equipe de amarelo e preto, que viu o goleiro Júnior adiantado e bateu por cobertura, no ângulo. Mas, Igor Gomes, ao seu estilo Kaká, empatou um minuto depois. A virada chegou ainda antes do intervalo com Luan e Toró. Na etapa final, Gabriel Novaes marcou seu gol logo nos primeiros minutos para o Tricolor. O zagueiro Rodrigo descontou para o Cruzeiro-DF em jogada polêmica com Júnior depois de escanteio pela esquerda, mas Oliveira e Fabinho fecharam o placar em 6 a 2.

O resultado deixa o time do Morumbi na liderança do Grupo 10 por causa do saldo de gols., já que o Botafogo-SP, mais cedo, também venceu. Superou o Sergipe pelo placar de 2 a 1.

Na próxima rodada, o Tricolor pela justamente o Sergipe, sábado, às 21 horas, enquanto Botafogo-SP e Cruzeiro-DF se enfrentam às 19 horas (sempre em horário de Brasília) do mesmo dia.

O técnico são-paulino André Jardine utilizou uma formação com: Júnior; Caio, Walce, Rodrigo (Tuta) e Liziero; Cássio (Frizzo), Luan, Toró (Oliveira), Igor Gomes (Bruno Dip) e Antony (Geovane); Gabriel Novaes (Fabinho).

O único destaque preocupante para o treinador foi a irritação do zagueiro Rodrigo ao ser substituído. Inconformado, o camisa 4 reclamou muito fora de campo e sentou isolado, fora do banco de reservas, escancarando seu descontentamento logo na estreia do São Paulo e apesar da goleada.

Relembre como foi a vitória do São Paulo sobre o Cruzeiro-DF lance a lance

Outros jogos

Pelo Grupo 1, Guarani e Criciúma não passaram de um empate sem gols. Ruim para os dois, já que o Madureira venceu o Fernadópolis e saiu na frente nessa primeira rodada da chave. Mesma situação de Náutico e Linense, que também ficaram no 0 a 0 e viram a Penapolense disparar no Grupo 7 por causa de uma vitória por 2 a 0 sobre a Desportiva Paraense.

No Grupo 8, o Marília conseguiu um importante resultado de 1 a 0 sobre o Tubarão-SC. Assim, a equipe paulista fica na cola do Fluminense, que superou o Mogi Mirim por 3 a 0 e só é líder pelo saldo de gols.

Pelo Grupo 5, o Lagarto-SE venceu o Tupã por 2 a 0 e colocou pressão em Atlético-GO e XV de Jaú, que se enfrentam ainda na noite dessa quarta-feira. A situação é semelhante no Grupo 9, onde o Araxá-MG fez 1 a 0 no Francana e agora torce por um empate entre Chapecoense e Ponte Preta, que também se enfrentam logo mais. É o mesmo caso do Ríver-PI, que bateu o Capivariano por 1 a 0 pelo Grupo 13, mas terá de esperar o duelo entre Botafogo-RJ e Velo Clube-SP.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
compartilhe
comente

  • comentários

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: