Trineto de D. Pedro II diz que vai doar acervo para novo museu

Incêndio atingiu Museu Nacional neste domingo (2)

Incêndio atingiu Museu Nacional neste domingo (2) Tomaz Silva/Agência Brasil – 03.09.2018

Trineto de Dom Pedro II, Dom João Henrique de Orleans e Bragança, esteve na tarde desta segunda-feira (3) no Museu Nacional, em São Cristóvão, zona norte do Rio de Janeiro, local que abrigou a família Imperial.

Durante a visita, Dom João afirmou que vai doar parte de seu acervo imperial para compor o novo museu, depois que este for reconstruído. Entre as peças, há artigos de Pedro II e de sua bisavó, a Princesa Isabel.

“Tenho peças que pertenceram a Dom Pedro II, uma coleção de fotografias inéditas, gravuras. Pedro II gostava muito de arqueologia, são peças importantes e a pequena parte que me cabe quero emprestar ao museu”, disse o empresário, que considera um “dever” da família imperial ajudar o Brasil.

Dom João também considerou que o incêndio que destruiu o museu “é um desastre para nossa memória e um retrato do nosso país”.

“O Brasil precisa mudar e isso é um exemplo do descaso das autoridades com tudo”, afirmou.

Incêndio

Um incêndio de proporções ainda incalculáveis atingiu, na noite deste domingo (2), o Museu Nacional do Rio, na Quinta da Boa Vista, em São Cristóvão. O museu estava fechado para visitação no momento em que o incêndio começou. 

O prédio de 200 anos foi residência das famílias real portuguesa e imperial brasileira e tem um dos acervos mais importantes do país, com cerca de 20 milhões de peças.

Assista ao vídeo:

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: