Voluntários do mundo todo se unem para salvar os coalas australianos

Hospital de Coalas de Port Macquarie já recebeu milhões em doações

Hospital de Coalas de Port Macquarie já recebeu milhões em doações Reprodução via Instagram

Os incêndios florestais que atingiram o sul e o leste da Austrália em novembro mataram centenas de coalas e deixaram um grande número de animais feridos em todo o país. Agora, voluntários pelo mundo estão se unindo para tentar ajudar os sobreviventes a poder voltar à natureza.

Diversas campanhas para ajudar no tratamento e recuperação de coalas resgatados dos incêndios se espalharam depois que imagens como a do salvamento do coala ‘Lewis’ viralizaram na internet.

Leia também: Conheça Urso, o cachorro que ajuda a resgatar coalas na Austrália

O hospital que tratou os ferimentos de Lewis e de dezenas de outros coalas, na cidade de Port Macquarie, no leste australiano, criou uma campanha online que já arrecadou mais de 1,8 milhões de dólares australianos (cerca de R$ 5,2 milhões) para ajudar no tratamento dos marsupiais, mais de 70 vezes a meta inicial de 25 mil dólares (cerca de R$ 72 mil).

Luvas para os coalas

Quem não pode doar dinheiro tem doado seu tempo e talento. As ONGs australianas que ajudam na preservação dos coalas e outras espécies já receberam tantos cestos, cobertores e mantimentos para os bichinhos que pediram para os voluntários pararem um pouco, para que as doações possam ser distribuídas.

Voluntários holandeses já fizeram centenas de luvas

Voluntários holandeses já fizeram centenas de luvas
Reprodução via Facebook

Na Holanda, por exemplo, um ateliê de voluntários está há semanas produzindo luvinhas para proteger as patas dos coalas, que se queimaram durante os incêndios. As peças precisam ser feitas artesanalmente e em algodão, para ajudar na cicatrização das queimaduras.

Até agora, o ateliê na cidade de Deventer já produziu mais de 400 pares de luvas para serem enviados para a Austrália.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: