PRESSÃO SOBRE O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

Bolsonaro, Guedes e empresários vão ao STF para pressionar pelo fim do isolamento contra coronavírus

Grupo seguiu a pé e de surpresa até a corte e se reuniu com o ministro Dias Toffoli

*notícia extraída do site Folha/Uol/Mercado em 07/05/2020

 

O presidente Bolsonaro não poupa esforços em seu intento de flexibilizar o isolamento social, mesmo que isso contrarie tudo o que as autoridades médicas nacionais e mundiais preconizam.

Nesta quinta-feira o presidente e uma comitiva chegaram ao STF, aparentemente de surpresa, para tratar do isolamento social. O interessante é que não tinham agenda marcada e o presidente da república, acompanhado pelo ministro da economia e outros, foram pedir um posicionamento da Corte mais favorável ao entendimento do presidente, favorável ao fim do isolamento social.

Fosse qualquer outro funcionário público que fizesse o mesmo,  poderia ser enquadrado no artigo 321 do Código Penal Brasileiro, conhecido como “Advocacia Administrativa”.

Fica evidente, pelas declarações públicas do presidente e do ministro da economia, que o interesse que defendem é do empresariado, em que pese citem a economia do país. Impressiona a audácia em levar à reunião alguns dos empresários mais interessados no fim do isolamento, ou seja, cria-se uma zona cinzenta no que se refere à verdadeira motivação do pleito governamental, e um sério constrangimento à presidência do STF por receber o grupo nessas condições.

Que os demais Ministros do STF, o Ministério Público e a imprensa fiquem atentos! 

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Author: José Vieira

Jornalista, Diretor da Associação Paulista de Imprensa - API, bacharel em Direito(aprovado na OAB), servidor público, pós graduado em Direito da Comunicação Digital, MBA em Gestão Pública, professor do Centro de Estudos e Ensino em Segurança Pública e Direitos Humanos - CESDH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *