PANDEMIA: CHUVA E FRIO SALVADORES

*imagem: Veja São Paulo

Em meio às tentativas para aumentar os índices de isolamento na Capital/SP e Grande São Paulo, a chuva e as baixas temperaturas podem ser a tábua de salvação para os paulistas.

Com a chegada de uma onda de frio intenso, acompanhada de grande umidade, a tendência natural das pessoas é permanecer em casa, recolhidas. 

Essa postura pode comprovar a teoria de que o mesmo veneno que mata pode, em dose diferenciada, salvar vidas. Isto porque as baixas temperaturas favorecem a ação do coronavírus, como comprovadamente ocorreu na Europa. Só que no caso do Brasil, em que pese o aumento da incidência das tradicionais doenças respiratórias, o frio e as chuvas podem ser o estímulo que faltava para as pessoas aumentarem sensivelmente os índices de isolamento social.

Vamos aguardar as próximas medições e verificar se esta tendência se confirma, evitando medidas extremas para a contenção da pandemia em território paulista.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Author: José Vieira

Jornalista, Diretor da Associação Paulista de Imprensa - API, bacharel em Direito(aprovado na OAB), servidor público, pós graduado em Direito da Comunicação Digital, MBA em Gestão Pública, professor do Centro de Estudos e Ensino em Segurança Pública e Direitos Humanos - CESDH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *